4 Dicas para ajudar o adolescente na escolha profissional

4 Dicas para ajudar o adolescente na escolha profissional (Foto de Andrea Piacquadio no Pexels)

Atualmente, para viajar por lugares históricos como o Museu do Prado , na Espanha, por exemplo, basta fazer uma visita virtual pela internet. Com a ferramenta, é possível fazer viagens pelo mundo sem sair de casa. Conhecer lugares incríveis com apenas um clique. 

Mas, a internet também possibilitou outra atividade muito importante: conhecer profissões diversas. E dentre tantas essas profissões, qual escolher? Como escolher a profissão que mais se adequa ao seu jeito? Como saber se aquela profissão lhe fará feliz? 

Esse é o grande dilema do adolescente no Ensino Médio, escolher uma boa profissão. Realmente, não é fácil fazer uma escolha tão difícil com uma variedade de opções à disposição. Por isso, para ajudar você adolescente nessa tomada de decisão, selecionamos 4 dicas para te ajudar na escolha profissional. 

1.Identificar a área de interesse ainda na escola

Uma das maneiras infalíveis de escolher uma vocação profissional é identificar o interesse ainda na escola. Busque por disciplinas que você tem mais interesse. Do que você gosta mais? Português? Matemática? Física? História? Geografia? Idiomas? Educação física? 

Por consequência, a disciplina de seu maior interesse será a que mais você terá facilidade. Isso te ajudará a escolher uma profissão relacionada a disciplina que você mais gosta. Por exemplo: se você gosta de geografia, talvez o turismo seja o ideal para você. Se você gosta de português e ama escrever e ler, o jornalismo pode ser interessante.

2.Se conheça

O autoconhecimento é de grande importância para lidar com as situações do dia a dia. No momento de escolher uma profissão, ele também é essencial. Você precisa conhecer sua personalidade, seus gostos, suas habilidades, suas dificuldades, fraquezas,…

Se você tem uma personalidade mais introvertida, não tem muita facilidade para fazer novas amizades, então profissões como jornalismo, ator ou professor não são tão ideais. Uma profissão como secretariado, recursos humanos, pode ser mais interessante.

3.Busque informações a respeito da área de atuação

Se você já tem uma profissão em mente é muito importante pesquisar mais sobre o campo de atuação dessa área. É muito comum os adolescentes fantasiarem uma profissão e quando chegam na prática se frustrarem, pois não é nada daquilo que pensavam. 

Por isso, é fundamental você saber a carga horária daquela profissão, condições de trabalho, habilidades exigidas, disciplinas que serão cursadas na graduação… Assista vídeos, busque as grades curriculares do curso nas universidades e se possível converse com um profissional da área. 

4.Faça um teste vocacional

Por último, mas não menos importante, procure fazer um teste vocacional. O teste vocacional é um questionário que avalia possíveis profissões de acordo com a personalidade e preferências de cada pessoa. Com base nas suas respostas, o questionário irá te fornecer uma lista de profissões que mais combinam com você.

Há uma variedade de testes vocacionais na internet, mas escolha os de fonte confiável. Se você preferir, tem a opção de realizar o teste com um profissional de orientação profissional. Geralmente, são os psicólogos que fazem esses tipos de testes vocacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *